Lana Del Rey announces novo disk and criticizes Beyoncé, Doja Cat, Ariana Grande, Cardi B, Camila Cabello and Nicki Minaj

0
189


Os fãs da singer Lana Del Rey ficaram felizes com o anúncio da singer, not to Enter, that lançará um novo disco no dia 5 de setembro. Porém, a informação do novo album foi uma faísca no fogo that singer colocou ao postar um “textão” falando on music, carreira and feminism. Ela citou nominally other songbirds as Doja Cat, Ariana Grande, Camila Cabello, Cardi B, Nicki Minaj, and Beyoncé.

Lana Del Rey no clipe ‘Doin Time’

Em declarações passadas, Wool disse that seu novo album would be of “palavra falada”, com poetry. Ainda há especulações that dois give them seriam lançados em 2020, com nomes as “White Hot Forever” and “Violent Bent Backward Over The Grass”, but singer não deu mais detalhes. Seu mais recente disco de estúdio é “Norman Fucking Rockwell!”, eleito by a few specialists as o melhor album of 2019.

Leia as palavras of Wool not to Instagram:

Questão for culture:

Agora that Doja Cat, Ariana, Camila, Cardi B, Kehlani and Nicki Minaj and Beyoncé tiveram several sucessos number um com music about being sexy, não use roupas, settle, trair etc – eu I side to sing along I feel bela for being apaixonada mesmo se or relationship não é the perfect, ou dançar by dinheiro – ou qualquer coisa that eu quiser – sem to be crucified ou dizer that I’m glamorizando or abuse??????

I’m de-sac full of writers mulheres e song alternatives dizendo us glamorizo or abuse, quando na realidade sou just uma pessoa glamorous singing about as realities do we sell agora that relacionamentos emotionally abusive são quite predominant not the whole world.

Com all os topics as mulheres estão finally with the ability to explore eu só quero dizer that hairs dez in recent years, eu acho que é pathetic that as minhas minimum explorações lyrics detalhando os meus papeis às vezes submissos ou passivos em meus relacionamentos tenham feito as people dizerem that eu atrasei as mulheres em hundreds of years.

That isso fique claro, eu não não sou uma feminist – mas é need be um rather not feminism for women who are parecem e agem as eu – or the type of woman that diz que não, mas os homens ouvem sim – or type of woman that is repreendida sem court for being autêntica, delicate, or type of woman that tem suas histórias e vozes roubadas by mulheres mais fortes ou homens that odeiam mulheres.

Eu tenho been honest and otimista to respect two relacionamentos challenging that eu tive. Great news! É assim as coisas acontecem for muitas mulheres.

And unfortunately, these were as minhas experiências up to get ao ponto em que os meus disks were services. Então eu queria dizer that most importantly, been longos 10 years of resenhas de merda até recently and I learned com all elas mas eu também acho que isso construiu um caminho for mulheres parassem of “faking it um sorriso” and is sentissem à vontade to dizer or diabos quisessem em suas músicas – ao contrário das minhas experiências onde se eu expressasse uma note sequer of sadness em meus dois primeiros disks eu was categorized literally as hysterical as fossem literally I Years 20.

Enfim, nada disso tem muito a ver com isso mas eu estarei detalhando a few dos meus feelings to us meus next dois livros de poesia (primarily or second serve) com Simon and Schuster. Sim, eu ainda’m fazendo reparações pessoais com os profit two livros para a minha escolha de fundações Native American as quais eu sou muito feliz. E eu tenho certainty that haverá traços do that eu venho pondering no meu novo disk that will be lançado em 05 de Setembro.

Obrigado pela reading

Happy Quarentena

Veja a repercussão no Twitter das declarações da artist: